sábado, janeiro 02, 2010

Do outro lado






E passa-se um rio de olhos húmidos,
a chuva da tarde
a claridade
confunde-nos emoções.
Para lugares que sempre estiveram perto do coração, onde entraria de olhos fechados e saberia o que ia ver/sentir, que imagens, que recordações, que palavras pintadas na escuridão dos anos.
Esbarrar nos corredores do tempo de sofrer.
Encontrar um arco de cores
esporádico
cores que se harmonizam como conversas.
Brancos e vidrados espaços - que, ainda, tento - esquecendo os lapsos.

(haverá tanta vida minha para tantos dos lugares sentidos assim?)

14 comentários:

Maria P. disse...

Amiga, feliz 2010!

Beijinho*

hfm disse...

Haverá, seguramente, minha amiga!

Licínia Quitério disse...

Haverá, certamente, para ti e para o pote de ouro escondido lá longe, no lugar exacto onde o arco se encontra com a terra dos homens.

Bom ano, Bettips, a sete cores!

jrd disse...

A cor das palavras. Belo!
Bom ano.

Maria disse...

Há, com certeza. Porque quem sente assim tem uma vida enorme!

Beijinho, Bettips

Mr. Lynch disse...

Bettips;
O tal arco-íris que me falaste e infelizmente não vi. Muito belo.
As tuas fotografias são sempre excelentes. Tenho que ganhar o hábito de andar com a minha máquina fotográfica comigo. Já perdi vários instantes que mereciam a pena ser reservados para além da minha memória.
:)*

Arabica disse...

Haverá.

E muitos outros para descobrir! :)


Abraço apertado de feliz ano novo!

Isabel José António disse...

José António:

Neste ano de 2010, que todos possamos dar passos no caminho do discernimento, da mudança de Paradigma do “ter” para o “SER” e começarmos e conseguir ver cada Ser Humano como uma ALMA num corpo físico e não, como até aqui, como um corpo que “tem” uma alma…

Isabel:

Celebremos com gratidão os que nos deixaram em 2009.
O meu desejo para 2010 é de que tenhamos DISCERNIMENTO para distinguir o que é ESSÊNCIAL daquilo que apenas o parece, que tenhamos BONDADE a lidar com todos, inclusive connosco próprios, que tenhamos CORAGEM para respondermos aos Desafios e eventuais dificuldades que surjam, como OPORTUNIDADES de CRESCIMENTO e de SERVIÇO ao BEM COMUM e que se REALIZEM os nossos MELHORES e MAIS BELOS SONHOS!

tulipa disse...

É inevitável! Com a entrada do novo ano, no mundo inteiro, milhares de pessoas desfiam um rol de bons propósitos. Algumas dessas intenções não passam do 1º mês do novo ano, caem no esquecimento. Por isso decidi que não faço promessas disto nem daquilo.

Hoje os meus votos para todo o ano vão em forma de IDEOGRAMAS.
São muitos os símbolos e os significados associados aos ideogramas. Cada traço do desenho imprime uma força mágica, duradoura e com a riqueza de uma escrita antiga e cheia de tradição e respeito.
Os ideogramas têm muita força e poder.
Deste modo os meus votos de
Saúde,
Coragem,
Amor
e Amizade para 2010.

Teresa Durães disse...

esse rio parece o meu com os seus baixios e a terra que teima em espreitar. teremos, sim, um bom ano de 2010

segurademim disse...

... ninguém sabe e muito menos nós

mas conta [muito] o calor do momento, a humidade dos beijo, o aperto do abraço
o importante é o afago, o aconchego de um olhar solidário


beijos que 2010 seja um ano venturoso

heretico disse...

matizados os lugares no percurso das emoções.

que não te faltará vida para assim sentires. e dizeres...

beijo.

Bom Ano

mena m. disse...

É um vai-vem de um lado para o outro, esta nossa caminhada e que seria de nós não fossem por vezes esses oásis dos lugares que sabemos de cor e salteado?

Deste lado de cá, separadas por um mar de saudades te desejo um excelente 2010!

M. disse...

Muito belo o que aqui dizes e o modo como o fotografaste.