domingo, maio 16, 2010

"Navegar, navegar, ó minha cana verde..."




Esperançar
esperançada
que a distância seja um caminho (mais) macio, entre mim e o comum dos dias.
E que o mar se estenda plano, nos olhos.

(440 presenças aqui são um acaso de Maio. Brindo a um mês do meu específico calendário, quando acontecem - e aconteceram - chegadas, encontros e - algumas - partidas.
Escrever sobre nada, escrever sobre pensar, acompanhou-me. Sinto-me grata por ter conhecido, no real e no imaginário, gente que me acrescentou vida, conhecimento, poesia, generosidade e beleza).

14 comentários:

Filoxera disse...

Gente que nos acrescenta tuddo isso à vida é gente a conservar :-)

mdsol disse...

Então? Amor com amor se paga!

Vou passando sempre.
Beijinhos

:)))

jrd disse...

Gente 'da gente'.
Abraço

Licínia Quitério disse...

É este também um mar onde navegamos e nos cruzamos, e nos entendemos, ou não, onde somos sinceros, ou não, onde nos atamos firme saborosamente, ou passamos, um dia, por passar...
Somos os mesmos. Se não fosse por aqui muito provavelmante nunca tantos afectos ligariam tantos. Também por isso, tem valido a pena.
Abraço-te, real amiga que do virtual surgiste!

Justine disse...

Que continues a navegar nestas ondas de ternura e conhecimento, e a falar-nos da tua generosa maneira de ver o mundo.
Abraço apertado, a selar mais um ano:))

segurademim disse...

... parabéns

tu a mim acrescentas sempre - cor, alegria no encontro, imagens, um olhar com aquele brilhosinho nos olhos

és um privilégio amiga, um presente da vida

dona tela disse...

O TEMPO PASSA, NÃO É?

Rosa dos Ventos disse...

Que continues assim!

Abraço

heretico disse...

um privilégio frequentar este espaço.

onde "se acrescenta". sempre.

parabéns.

beijo

Alien8 disse...

Brindo contigo, Bettips.
Brindo às palavras, às imagens, à presença, à amizade, ao que se sente por trás do que se vê e diz.

Um abraço grande.

Benó disse...

O tempo vai escorrendo ora por um funil largo, ora por um funil mais estreito. Passa sempre e deixa sempre as suas marcas.
No tempo que passo por aqui levo sempre a certeza de que alguma coisa de bom aconteceu. Deixas alguma coisa de ti nas imagens que transmites, fotográficas ou escritas.
É agradável visitar-te.
Um abraço e bom fim de semana.

M. disse...

Gosto do teu modo de falares do mundo e de ti no mundo e do mundo em ti.
Senti a tua ausência.

jawaa disse...

Maio maduro Maio
Quem te pintou
Quem te quebrou o encanto
Nunca te amou...

Também tu acrescentas coisas bonitas a quem por aqui passa.
Um abraço

Era uma vez um Girassol disse...

Para mim é um gosto vir beber as tuas palavras, olhar as belas imagens com que nos presenteias...
Parabéns e...continua por aqui!!!
Também já fiz 4 anos de bloguista e nem os comemorei à minha moda...
Beijos da flor