domingo, julho 08, 2012

Algo interior mas completamente diferente












Os meus "jogos" de pensamentos, numa melancolia subterrânea:


..."Agora, vejo-o, no meio do velho círculo, no velho jardim: todos recomeçamos a viver, com as velhas paixões. Pus o meu vestido lilás. Como se vestisse um dos meus antigos disfarces, o disfarce da vida. Senti que tudo o que caracteriza um ser humano - a sua força e comportamento - evoca nos adversários a memória de certas sensações."...

Do livro "A Herança de Eszter" de Sándor Márai - (excerto da pág. 57,publ. D. Quixote)
Tais as lembranças e heranças.

6 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

Gostei muito deste livro!
Se estivesse na minha casa iria reler esse extracto...:-))
Às vezes há destes estados de alma que nos trazem à memória certas leituras!

Abraço

lino disse...

Que belas imagens!
Beijinho

mfc disse...

A vida é um jogo constante...
As tuas imagens dizem-nos coisas lindas!

hfm disse...

Viajo em cada uma delas.

heretico disse...

todos os disfarces. que denunciam...

beijo

M. disse...

Muito interessante o excerto do livro e as associações de ideias que estabeleceste. Gostei imenso.