quinta-feira, janeiro 29, 2015

Faltam-me

... camélias, como o ar.
As mesmas casas a cair,
as mesmas caras vazias.







Os cruzamentos: seria capaz de me lembrar de muitas frases ditas nessa rotunda.
E casas e caras: inteiras.
(manter a chama)

5 comentários:

Justine disse...

Uma das coisas boas do inverno: a companhia das camélias!
O resto vai-se suportando, às vezes mal...

heretico disse...

manter a chama ... viva!

beijo

Teresa Durães disse...

Nos cruzamentos podemos encontrar os Deuses (mas vale do que muitas frases, imagino).

Beijos!

Era uma vez um Girassol disse...

Vamos manter a chama então, Bettips....
Lindo....
Beijinhos

Mar Arável disse...

Há sempre (quase) uma pétala

em pleno voo