sexta-feira, fevereiro 03, 2012

Os homens pequeninos





...que nos desgovernam.
Aqui e na Europa.
Não estão lembrados de como se chamava e de como era a guerra.
Quem quer a hegemonia sobre quem e à custa de quê.

Porque agora a guerra é de números, de taxas de juro, de dívidas soberanas, de gente sem rosto.
De avanços das forças de direita e ultra-liberais, por mais nomes diferentes com que se encobrem.
Desmantelando a segurança de "viver" em Paz.
Deixando um rasto
de incrédulos, de ignorantes e, mais grave ainda,
de desempregados, de suicídios, de esgotamento de recursos, de fome.

Teremos de plantar "um jardim de esperanças" com a força das certezas de um futuro mais justo.

(fotos da exp. CCB "A Arte da Guerra - Cartazes da II Guerra Mundial" e "As Aventuras de Gulliver")

11 comentários:

mfc disse...

Estamos a sofrer um perfeito "Anschluss"...
Obrigado pela tua lucidez.

Beijinhos e bom fim de semana.

Mar Arável disse...

Conquistar um mundo novo

jrd disse...

A oportunidade da inteligência feita poste.
Eles, os pequeninos, não o lêem e, mesmo que lessem, não teriam estatura para entender.
Abraços

Rosa dos Ventos disse...

E pelos vistos é segundo o lema..."Custe o que custar!"
Haja vergonha!

Abraço

lino disse...

A maioria das pessoas tem memória curta, mas os que desejam o domínio que não foi possível através das botas cardadas não desistem!
Beijinho

heretico disse...

reconfortante tua lucidez...

beijo

R. disse...

Mãos à obra, pois!

Era uma vez um Girassol disse...

Gostei imenso deste post, Bettips!
Um abraço da gémea já em terras lusas!Bjs

M. disse...

Sem dúvida "Os homens pequeninos".
Muito bom este teu post.

M. disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Jorge disse...

Se não acordamos, vão destruir-nos!