domingo, fevereiro 11, 2007

Du(m)as lembranças






Com a "Dama das Camélias" que a R. recordou , mais Verdi e seu drama em ópera "La Traviata", veio a L. falar das sardinheiras que acompanharam o seu tempo de menina.

Livros e amores contrariados, infâncias, muros e varandas.

Surgiram-me estas duas imagens ao pensá-las.

Apontamento de momentos em que falamos uns com os outros.
(imagem da net)

12 comentários:

bom dia isabel disse...

Flores e mar. Não os dispenso.As primeiras, por razões óbvias, dão cor e aroma à vida. O segundo é uma paixão de menina. É o meu refúgio quando estou triste e cansada, é o meu amigo quando estou só, é a minha alegria quando preciso de azul, do céu e dele.O mar, o amor, que um dia me levará.
Beijinhos

Bela disse...

"La Traviata"..." A dama das camélias"...q belas lembranças...
Beijinho

Teresa Durães disse...

(acabei!!!!!!!!!!!)

agora vou ter mais tempo
se e quando quiseres ler, avisa!
vou para o óó

estou estafada

wicky disse...

bons dias por aqui, com sardinheiras por perto queas há lindissimas de todasas cores.
Neste clima agreste , ventoso , envolto em brumas maritimas, cheias de sal, assardinheiras resistem, as hortenses, as buganvilias e algumas roseiras...
Podes sempre pensar em mudar-te !

Tem um bom dia

as velas ardem ate ao fim disse...

Linda a vista sobre o rio!

bjis

Unicus disse...

Duas necessidades que deviam ser básicas: flores e mar..
Beijos Bet

Luisa disse...

Gostei muito deste teu apontamento sobre as sardinheiras e não só. Continuo a cultivar sardinheiras, agora apenas nos vasos da minha varanda da cidade. Não fazem o mesmo efeito do que no muro mas mesmo assim continuo a gostar delas. Quando chegar a Primavera, mandar-te-ei uma fotografia delas.

wicky disse...

para que queres tu o pendulo?
para te mandar boas energias?
elas estão dentro de ti , mas mando mais algumas , enquanto dormes

Um beijo

maat disse...

Beleza,só beleza.

dias com camélias.

***maat

sa.ra disse...

Beijo e abraço para saudar as boas memórias!

tem um dia muito feliz!

Isabel disse...

Flores flores flores..nao se gosto mais de as receber se de as dar... mas amo-as...
O meu mar agora sao as montanhas brancas de neve salpicadas aqui e ali de verde dos pinheiros... tao belo, tanta paz aqui onde estou...

Até breve,

Isabel

Mónica disse...

que vista privilegiada!