sexta-feira, fevereiro 27, 2009

Navegar, navegar












...
Mas ó minha cana verde
Navegar no teu corpo
Entre quatro paredes
Dar-te um beijo e ficar

Ir ao fundo e voltar

Ó minha cana verde

Navegar navegar"

Fausto em "Por este Rio Acima", gravado na Primavera e Verão de 1982, uma das obras mais belas e completas, do género, que conheço!

A propósito da minha "Caravela Quinhentista...que é Cabo da Boa Esperança..." e do Palavra Puxa Palavra desta semana.
Aqui fica o roteiro: entre umas centenas de fotografias, escolhi a sequência no caminho em que a minha caravela se enquadra.
Agora ... é só pôr os pés a andar e afinar os olhos!

22 comentários:

Maria disse...

Mais logo, uma ou duas da manhã, quando estivermos a cantar este Fausto, eu vou lembrar-me de ti...
O passeio (mais uma vez) vou deixar para outra altura, de dia.

Agradece-se a sensibilidade?

Beijo

Licínia Quitério disse...

Oh viajante das sete partidas, esta Lisboa nos teus olhos fica menina e desvairada, de caravela à cabeça e cravo de Abril ao peito.

Ir ao fundo e voltar
entre quatro paredes...

Quantas vezes, quantas vezes!

Dá-me o braço anda daí!!

M. disse...

Ah Fausto! Lindo esse CD! Boa escolha para te acompanhar o passo e o olhar entusiasmado.

bettips disse...

O "toque", o barulho da agulha, a leitura do que acompanha, o grafismo ...
Em vinyl, LP, querida M. e outras!
E depois, imprescindível mais tarde, veio também o CD.
"...como se a terra corresse
inteirinha atrás de mim..."
Bjinhos

Artur Gonçalves Dias disse...

obrigado pela viagem

saudações

mac disse...

Interessantes estes recantos de Lisboa...Tu lá descobres estas coisas...

mena m. disse...

Navegar, navegar,
subir e descer,
olhar e ver!

Que passeio!
Lindo, lindo!

beijinhos

Justine disse...

Navegar em terra, pela nossa história feita de boas e más coisas, pelo nosso património quantas vezes mal-tratado!
O Tejo e as duas margens, a imensidão sem margens do teu olhar a mostrar-nos caminhos.
Navegar, Navegar!
Beijo

heretico disse...

(in)Faustas músicas. infaustos Tempos.

é bom navegar em tuas escolhas.

beijos

Alien8 disse...

Bettips,

E que bela navegação!!!
Tenho exactamente a mesma opinião sobre o duplo álbum do Fausto. Excepcional, realmente. No seu conjunto, e em canções como "A Ilha", para citar apenas um exemplo dos menos conhecidos.

Um beijo.

Maria de Fátima disse...

Viva!
Gostava de recolher opiniões sobre este texto
agradeço e desejo um bom domingo

Ricardo Marques disse...

A 4ª imagem ta comica x'D

Sim senhor. E sempre bom ver estas imagens. Transmitem alguma calma e paz de espirito.
Parabens ;)

Cumprimentos !

Teresa Durães disse...

navegar e percorrer com os dedos todos os contornos! (andei ausente por aí)

Anónimo disse...

Justa homenagem.

(As fotos, como sempre, preciosas!)
jl

dona tela disse...

Mas isso fica tudo em Lisboa? Eu sou mesmo uma cabecinha tonta. Nunca dou por nada.

Filomena Barata disse...

Se soubesses como hoje me senti ausente do que de ti não li, não ouvi, mesmo vindo, vindo sempre ler-te, olhar-te.
Apenas um beijo enorme te queria deixar.

legivel disse...

a navegar navegar
andaram meus antepassados
até chegar ao penar
dos actuais maus bocados

dos actuais maus bocados
que estes falsos timoneiros
nos deixam desembarcados
numa praia e s(c)em dinheiros.


In "O Naufrágio da Barca Feia", do Almirante Nelson de Sousa, Editora Tritejo, Cacilhas.
............................

Fausto: que pena aparecer tão pouco.
Lisboa: o que me resta do sonho.

beijos e sorrisos.

Filomena Barata disse...

leva-me um pouco no teu mar!

Teresa David disse...

TEM GRAÇA QUE QUANDO VI O TEMA NAVEGAR TAMBÉM ME LEMBREI LOGO DA CANÇÃO DO FAUSTO.
MAIS UM BELO LOTE DE FOTOS QUE AQUI APRESENTAS PARA DELICIA DOS NOSSOS OLHOS.
BJS
TD

viajante disse...

Navega-se mais aqui que num TransAtlântico que para mais vezes que o desejado.
E que bem se navega por estes lados.

Benó disse...

Obrigada pelas camélias da mensagem anterior.É pena as cameleiras não gostarem do forte sol algarvio.
Além das letras és também uma amante da fotografia e mostras-nos, nesta tua pequena reportagem, recantos que passam desapercebidos aos passantes normais das cidades, sempre apressados e muitas vezes "cegos" para as belezas singelas da nossa bela capital.
Um beijo grande e

Sê Feliz!

Arabica disse...

Bettips


E como escolheste bem!


O importante é nao perder o rumo no mergulho!

E vou contigo nesse Navegar eterno do Fausto...