sábado, abril 19, 2008

Ilha - Jardim Botânico II








Prazeiroso gosto entre plantas nas melhores horas de sol e, calculo, no que seja um miradouro de privilégio, sobre as suaves curvas da cidade.

Ao longe. Longe de pensar.

Um único pequeno olhar para os "furados", túneis impressionantes que são a marca bem visível do dono do progresso, como entendido.

Ao longe. Longe de pensar.

4 comentários:

Jardineira aprendiz disse...

Olhando para estas fotos todas por aí abaixo só me apetece fazer um comentário pateta, mas apetece tanto... UAU!!!

Era uma vez um Girassol disse...

Olhar atento, imagens captadas para nos encantar...Lindo!!!!
Obrigada por este belo presente.
Beijinhos da flor um pouco ausente

Justine disse...

É talvez a melhor vista da cidade, pela distância que nos deixa apenas ver a beleza, diluindo o resto...

jlf disse...

«A marca bem visível do dono do progresso» - do dono da ilha, talvez antes...